Rock news

Notícias do mundo do Rock.
08 novembro 2019

Johnny Marr ironiza suposta reunião do The Smiths

Johnny Marr respondeu a novos rumores que davam conta de uma reunião dos Smiths, com uma publicação enigmática no Twitter: “Nigel Farage tocará guitarra”, escreveu.

Esta publicação parece ser uma referência às declarações políticas de Morrissey, que nos últimos anos se tem tornado conhecido pelo seu apoio ao Brexit e a partidos de extrema-direita.

Nigel Farage é um dos mais ferozes apoiantes da saída do Reino Unido da União Europeia, sendo precisamente o líder do Partido do Brexit, e tendo dirigido o UKIP (Partido da Independência do Reino Unido), um partido de extrema-direita.

O guitarrista, que politicamente se posiciona à esquerda, terá desta forma rejeitado qualquer eventual reunião da sua antiga banda. Veja aqui:

Rumores de uma reunião do The Smiths surgiram por causa de uma postagem no fórum morrissey-solo, dizendo que fontes da indústria musical deixaram escapar que a banda poderia se reunir no próximo ano, já que a Live Nation possui os direitos para produzir os shows de reunião da banda.

A teoria é a de que como Morrissey já encerrou sua turnê California Son e Johnny Marr não tem mais shows marcados, isso tornaria o ano de 2020 propício para uma reunião.

O jornalista José Norberto Flesch, que costuma acertar nos palpites musicais, repostou o boato na sua conta no Twitter.

Fontes: Blitz (Portugal) e Minuto Indie

WhatsApp chat