Nazareth – Abertura de Emerson Suicide – Tom Brasil

Nazareth – Tom Brasil, São Paulo – SP – 01 de novembro de 2019

Por Otávio Juliano

Fotos por Leandro Anhelli

Se uma semana antes o Tom Brasil havia recebido o Creedence Clearwater em sua versão Revisited, na última sexta-feira foi a vez de outra banda de Rock formada no final da década de 60 tocar seus sucessos na capital paulista, a escocesa Nazareth. Contando atualmente apenas com o baixista Pete Agnew da formação original, o Nazareth segue levando adiante seu legado musical e inclusive tem lançado material inédito – “Tattooed on My Brain” (2018) é o mais recente disco, o primeiro de estúdio contando com o vocalista Carl Sentance.
Ainda em turnê comemorativa dos 50 anos de carreira, o Nazareth levou muitos saudosistas ao Tom Brasil. Embora o público não tenha lotado a casa, quem foi pôde conferir grandes sucessos como “Razamanaz”, faixa que dá nome ao álbum homônimo de 1973, produzido por Roger Glover (Deep Purple) e responsável pela banda ganhar notoriedade. É claro que as inesquecíveis baladas “Love Hurts” e “Where Are You Now” não ficaram de fora do setlist e foram ovacionadas pela plateia, enquanto os músicos comandavam o show de cima do palco.
O vocalista Carl disse estar feliz de novamente tocar no Brasil e até se confundiu com a data da última passagem do Nazareth por aqui, mencionando ser há 3 ou 4 anos (o grupo esteve no Brasil em 2016). Indo de um lado para o outro do palco, Carl faz ótimo trabalho com a banda e mostra estar muito à vontade na posição de vocalista do Nazareth, substituindo Dan McCafferty, membro original que deixou a banda em 2014. A clássica “Hair of the Dog” foi cantada a uma só voz pelos fãs, misturando-se a outras grandes composições, como a ótima “This Flight Tonight”, “Dream On”, outra balada da noite, a psicodélica “Morning Dew” e a nova “Tattooed on My Brain”, que como mencionado acima dá título ao mais recente trabalho da banda.
Uma noite nostálgica de muito Rock clássico, encerrada com a agitada “Go Down Fighting”, do disco “Loud ‘n’ Proud” (1973). Tomara que o Nazareth tenha oportunidade de retornar ao Brasil em breve, afinal é sempre bom rever ao vivo canções marcantes do Rock N´ Roll, executadas por músicos cheios de vitalidade e energia.

Abertura – Emerson Suicide

Mais cedo, por volta das 21hs, o Emerson Suicide subiu ao palco para fazer a abertura do show do Nazareth. O público ainda estava chegando ao Tom Brasil e havia um número pequeno de pessoas na pista para vê-los, mas nada que tenha desanimado os músicos, que mostraram um pouco do Hard Rock que marca o trabalho do grupo. Idealizada pelo vocalista Emerson e surgida no ABC paulista, a banda tocou por cerca de 30 minutos algumas das canções do álbum “From The Streets”, lançado neste ano de 2019 e disponível nas plataformas digitais.

Agradecimentos a Miriam Martinez e Top Link Music pela atenção e credenciamento da equipe da rádio.

Banda:

  • Pete Agnew – baixo
  • Jimmy Murrison – guitarra
  • Lee Agnew – bateria
  • Carl Sentance – vocal

Setlist:

  • Turn On Your Receiver
  • Never Dance With the Devil
  • Razamanaz
  • This Flight Tonight (Joni Mitchell)
  • Dream On
  • Love Leads to Madness
  • My White Bicycle (Tomorrow)
  • Change
  • Heart’s Grown Cold
  • Beggars Day (Crazy Horse)
  • Changin’ Times
  • Hair of the Dog
  • Tattooed on My Brain
  • Love Hurts (The Everly Brothers)
  • Morning Dew (Bonnie Dobson)

Bis:

  • Miss Misery
  • Where Are You Now
leia a resenha ocultar

Fotos por: Leandro Anhelli

Rolar para cima

BAIXE O APP DA KISS FM